/Equipes de robótica da rede municipal de ensino de Cabedelo são destaques em Torneio Juvenil

Equipes de robótica da rede municipal de ensino de Cabedelo são destaques em Torneio Juvenil

Cidade estava representada por 28 alunos de sete escolas municipais

Equipes de escolas da rede municipal de Cabedelo se destacaram na Etapa Nacional do Torneio Juvenil de Robótica (TJR), realizada no último sábado (5) no Instituto de Educação Superior da Paraíba (IESP). Os alunos da Escola de Robótica conquistaram o 1º primeiro lugar, dois 2º lugares e dois 3º lugares.

O desempenho na etapa estadual qualifica as equipes para a etapa nacional, que será realizada em São Paulo, de 29 de outubro a 3 de novembro.

Participaram da competição as escolas Plácido de Almeida, Paulino Siqueira, Adolfo Maia, Rosa Figueiredo, Pedro Américo, Maria Pessoa e Marizelda Lira. Cada unidade enviou duas equipes. Ao todo, o município esteve representado por 28 alunos divididos em 14 equipes. Eles participaram das modalidades “Viagem ao Centro da Terra” e “Resgate no Plano”.

Ao todo foram cinco prêmios conquistados: o 1º, 2º e 3º lugar na categoria “Resgate no Plano”; e o 2º e 3º lugares na “Viagem ao Centro da Terra”. As unidades premiadas foram Rosa Figueiredo, Paulino Sequeira, Pedro Américo e Marizelda.

“A cidade de Cabedelo vem investindo na Robótica Educativa nas escolas municipais, e com o projeto Escola de Robótica podemos difundir a inclusão dessa ferramenta tecnológica na sala de aula. Desde 2017 estamos atuando na formação docente e no treino das equipes para competições. Nossas equipes tiveram excelentes resultados no TJR e isso é fruto de muito empenho de nossos professores, e nos mostra que o investimento em educação é o caminho para que os garotos e as garotas tenham a oportunidade de tomar contato com o conhecimento e possibilidade de ascensão social”, declarou a professora Vanusa Valério, à frente do Setor de Tecnologia Educacional (STE) da Secretaria de Educação.

A preparação dos alunos começou logo após a Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), no final de agosto, e se intensificou duas semanas antes. Os alunos realizaram um intensivão no Centro Imaculada, com um treinamento junto à Escola de Robótica, focado para a competição.