/Multidão lota Praça Getúlio Vargas em última noite do Arraiá do Litoral, ao som de Rannyeri Gomes e a banda Encantu’s

Multidão lota Praça Getúlio Vargas em última noite do Arraiá do Litoral, ao som de Rannyeri Gomes e a banda Encantu’s

Uma multidão lotou a Praça Getúlio Vargas para conferir a última noite do Arraiá do Litoral – São João e São Pedro nesta sexta-feira (29). No palco principal, apresentaram-se o cantor Rannyeri Gomes e a banda Encantu’s. Segundo estimativa da organização, cerca de 20 mil pessoas foram conferir o encerramento do evento.

A festa começou no último dia 23 e agitou a cidade com sete dias de programação cultural, resgatando a tradição junina. Além da Praça Getúlio Vargas, o Arraiá contou com programação nos bairros de Intermares, Renascer, Jacaré e Jardim Manguinhos.

Pelo palco principal da festa, passaram atrações como Karinine Cabral, Marah Neves, Os Três do Xamego, Forró Caçuá, Banda Stylo Ousado, Fabiana Souto e Luciene Melo.

“Muito me emociona e alegra saber que o povo de Cabedelo abraçou esse projeto e veio à Praça durante toda a semana, conferir o que preparamos com tanto carinho e, o mais importante, sem gastar desnecessariamente o dinheiro público. Parabéns a todos os envolvidos com a festa, através do secretário de Cultura Igobergh Bernardo. Parabéns aos cabedelenses, que fizeram dessa festa uma das mais lindas que a cidade já viu”, destacou o prefeito Vitor Hugo.

Pela primeira vez em Cabedelo, o cantor Rannyeri Gomes agitou o público no encerramento do Arraiá, ao som de grandes sucessos.

“Eu ja morria de vontade de fazer show em Cabedelo. Nada melhor do que ser em um momento tão magnífico como esse, com uma multidão cantando nossas músicas. Para mim foi uma honra enorme estar numa festa tão bem organizada”.

Arraiá Cultural – Além de muito forró com as atrações principais e com os trios pé de serra locais Chico Novo, Chiado na Chinela, Arrocha que ela gosta, Jair Nosso Xote e Zé do Forró – que abriam a programação diária na Tenda Cultural – o Arraiá resgatou a cultural local e as tradições juninas. Exemplo disso foi a peça Acordai João, apresentada durante três dias e que contava, de forma lúdica e interativa, a história de São João e de São Pedro. Com atores locais, o espetáculo emocionou e divertiu o público, que conheceu, através dele, mais sobre a origem dos festejos juninos.

No Pavilhão Central montado na Praça e decorado com o tema da Copa do Mundo passaram, ao longo dos sete dias, as Quadrilhas Flor de Mandacaru e Lampião, de João Pessoa; e Viana, Luar da Ilha e Macambira, de Cabedelo. Além do colorido dos grupos, também se apresentaram o Coco de Roda do Mestre Benedito, o Centro de Artes Municipal, o Centro de Convivência do Idoso e o Grupo Inclusão É Show.

Vila São João – O destaque e a novidade da festa foi o Vila São João, espaço reservado ao artesanato e às barracas com comidas típicas. Lá, uma vila junina estilizada era o cenário perfeito para registrar a presença no Arraiá. Um espaço Kids também foi montado, e a criançada aproveitou o quanto pode os brinquedos disponibilizados pela Prefeitura.

“Foi uma satisfação imensa estar participando de uma festa bem organizada e montada. As pessoas que entraram na Vila São João só elogiaram e agradeceram. Para nós, comerciantes, isso foi algo diferente e maravilhoso. Estou muito satisfeita”, agradeceu Janeide Luíza, a “Moça da Tapioca”, que comercializou dentro da Vila São João.

Para a estudante de Turismo, Crislayne Rodrigues, o evento serve como modelo para outras cidades.
“Eu estou maravilhada. Eu não esperava que Cabedelo pudesse fazer um evento tão bem organizado, espaçado em uma praça que acomodou um público imenso e uma grande diversidade de atrativos e comerciantes. Além disso, o evento é charmoso e atraente, agradou a todo tipo de público. Esse evento deve servir de modelo para outras cidades em todo o Brasil”.

Segurança e tranquilidade – Além do resgate à cultura e às tradições juninas, o Arraiá do Litoral se destacou pela segurança e tranquilidade garantidas a quem foi curtir o evento na Praça Getúlio Vargas, no Centro, e nos demais bairros.

Um esquema de segurança e organização foi montado pelas equipes das Secretarias de Segurança e Mobilidade Urbana (Semob), em parceria com a Polícia Militar (PM) e o Corpo de Bombeiros.

A Semob disponibilizou 18 agentes de trânsito para os sete dias de evento, com seis homens operando em campo por noite. Além da fiscalização diária no trânsito da cidade com duas viaturas a disposição.

A Segurança mobilizou 150 agentes – entre Guardas Municipais, Inspetores e Comando – para garantir a segurança nos sete dias de Arraiá. No trabalho da Ronda Ostensiva Municipal (Romu) operaram em campo 30 homens por noite. Além disso, a Prefeitura teve a segurança da Guarda Patrimonial com 22 homens trabalhando diariamente, e da Guarda Ambiental com três agentes operando por noite. Quatro viaturas e duas motocicletas deram apoio operacional ao evento.

O efetivo do Corpo de Bombeiros contou com 10 homens e três viaturas – Resgate, Combate a Incêndio e Busca e Salvamento – atuando diariamente nos festejos juninos. Já a Polícia Militar disponibilizou 40 PMs na Operação São João da PM, na região que abrange a 6ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). O efetivo ainda contou com o apoio diário de 20 policiais e duas viaturas, atuando tanto nos eventos do Centro como, principalmente, no Renascer.

“O levantamento que nós pudemos fazer nesses 7 dias de evento é que tudo saiu muito tranquilo, sem nenhuma ocorrência de destaque que tirasse o brilho da festa. Uma festa bem iluminada e organizada que facilitou o nosso trabalho. Essa última noite tivemos um público estimado em mais de 6 mil pessoas aqui na Praça” afirmou o capitão Geovane, da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar da Paraíba (CIPM-PB).

“Primeiramente parabenizamos a sociedade cabedelense pelos 7 dias de evento sem nenhuma ocorrência grave. Nessa última noite, inclusive, dobramos o efetivo da GCM e da PMPB para garantir a segurança das milhares de pessoas que frequentaram o evento. E, com isso, além de toda estrutura que tivemos, fechamos o com chave de ouro com um índice zero de violência”, comemorou o secretário de Segurança Municipal, Isaías Vieira.

Secom Cabedelo