Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Dia Nacional da Luta Antimanicomial será lembrado em Cabedelo com caminhada e palestras, nessa quarta-feira
13/5/2014 - Secretaria de Saúde


A Prefeitura Municipal de Cabedelo, através do Setor de Saúde Mental da Secretaria Municipal de Saúde, e em parceria com o PET Rede de Atenção Psicossocial/UFPB promoverá atividades especiais nessa quarta-feira (14), em alusão ao Dia Nacional da Luta Antimanicomial. Dentre as ações marcadas para lembrar a data, está a “I Caminhada de Braços Dados com a Liberdade”, que acontece a partir das 07h30, com concentração no pátio da Secretaria Municipal de Saúde.

O evento, que faz parte do projeto “Saúde Mental na Cidade”, além da caminhada, que seguirá até o Teatro Santa Catarina, contará ainda com palestras e atividades artísticas e culturais, provenientes dos programas que trabalham com saúde mental em Cabedelo.

A psicóloga Vaneide Delmiro, do setor de Educação na Saúde e uma das coordenadoras das atividades, ressaltou a importância de os cabedelenses se dedicarem a esta causa. “É preciso que as pessoas participem desta luta e lembrem que ela não se encerra ao término do evento, ao contrário, nele se revigora, fazendo desse encontro o diferencial, o combustível para novas conquistas no campo da saúde mental”, destacou.
Toda a população está convidada a prestigiar o evento, que será realizado até o meio-dia, e terá a participação especial dos grupos: Coral de Libras do CAPS 1 – Porto Cidadania; Oficina do Samba do CAPS AD – Primavera; Coletivo Tribo Éthnos e PalhaSUS.

Histórico - Dia da Luta Antimanicomial, oficialmente comemorado no dia 18 de Maio, foi criado a partir do II Encontro de Trabalhadores da Saúde Mental, em 1987, na cidade de Bauru (SP). A principal reivindicação daqueles trabalhadores – “por uma sociedade sem manicômios” – significava, e significa ainda hoje, não apenas derrubar os muros de concreto dos hospitais psiquiátricos, ofertando novas formas de cuidado ao doente mental, como também combater a forma manicomial da sociedade que enxerga e compreende os doentes mentais de maneira indiferente.

Com o passar dos anos, a luta ganhou força e a devida aplicação de políticas públicas que garantiu ao doente mental direitos sociais, acesso e atendimento mais adequados. Surgiu a Lei Paulo Delgado (10.216/2001), que propõe a extinção progressiva dos manicômios no país; a redução significativa dos leitos de hospitais psiquiátricos; a implantação dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), em suas diversas modalidades (CAPS I, CAPS II, CAPS AD, CAPS i, CAPS 24 horas) e de outros serviços, como as Residências Terapêuticas (para os egressos crônicos de hospitais psiquiátricos) e os Centros de Convivência (espaços destinados à promoção social através do trabalho, cultura, educação, esporte e lazer). Além de todos esses avanços significativos no campo da saúde mental, muitos outros, voltados ao enfrentamento do uso de álcool e outras drogas, a exemplo do Consultório na Rua, vêm sendo conquistados.

A luta antimanicomial continua vislumbrando parcerias diversas com as áreas da Educação, do Esporte, da Cultura e do Lazer como forma de garantir integralmente qualidade de vida, cuidado e autonomia aos usuários de saúde mental, incentivando cada vez um papel de protagonismo na sociedade.

Informações da Rede de Atendimento em Cabedelo:

CAPS I – Porto Cidadania (Centro de Atenção Psicossocial) – Criado em junho de 2004, é um serviço de assistência clínico social para portadores de transtornos mentais graves (psicose, neuroses graves e demais quadros) que necessitam de cuidados contínuos em função da gravidade e persistência do sofrimento psíquico que apresentam. É focado no atendimento de adolescentes e adultos, que podem procurar o serviço através de encaminhamento ou demanda espontânea.
Endereço: Rua Pastor José Alves de Oliveira, 1328, Camalaú, Cabedelo/PB, Fone: 3250-3241. Horários de atendimento: segunda a sexta (08h às 12h e 13h às 17h).

CAPS AD – Primavera (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas) – Criado em novembro de 2009, é um serviço de assistência clínico social que presta atendimento às pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool, crack e outras drogas, permitindo um planejamento terapêutico individual a partir de cada situação vivenciada pelo usuário. O seu principal objetivo é promover e evitar internações decorrentes do uso abusivo de drogas e integrar o usuário à família e à comunidade. Também é focado no atendimento de adolescentes e adultos, que podem procurar o serviço através de encaminhamento ou demanda espontânea.
Endereço: Rua Solon de Lucena, 160, Ponta de Matos, Cabedelo/PB, Fone: 3228-1044. Horários de atendimento: segunda a sexta (08h às 12h e 13h às 17h).

Centro Municipal de Referência em Saúde Leonard Mozart (Policlínica) – Esse serviço presta assistência psiquiátrica e psicológica de caráter ambulatorial a pessoas com sofrimento mental leve e moderado, bem como aos casos de psicose com quadro estabilizado. Para ter acesso a este tipo de atendimento é necessário o encaminhamento através das Unidades de Saúde da Família.

Endereço: Rua São Sebastião, s/n, Camalaú, Cabedelo/PB, Fone: 3250-3277.Horários de atendimento: segunda a sexta (07h às 11h e 13h às 17h).

USF/NASF - Unidades de Saúde da Família/ Núcleo de Apoio a Saúde da Família – Este serviço presta cuidados de Promoção e Prevenção em Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas e assistência às pessoas com sofrimento psíquico leve e demais quadros estabilizados.

SECOM - Cabedelo
Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Desfile Civico - 7 de Setembro
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180