Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Secretaria de Educação inicia formação dos bolsistas do programa Brasil Alfabetizado em Cabedelo
21/10/2014 - Secretaria de Educação

Michael Sampaio



A Prefeitura de Cabedelo, através da sua Secretaria de Educação, iniciou, ontem (20), a formação dos bolsistas voluntários (coordenadores e alfabetizadores) que integrarão a equipe do Programa Brasil Alfabetizado (PBA) no município. A aula inaugural aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Educação, local onde também serão realizados os dez dias da formação pedagógica e técnica inicial, no horário das 18h00 às 22h00.

As aulas do PBA terão início no próximo dia 10 de novembro, com oito meses de duração, somando uma carga horária de 320h/aulas organizadas em 10 horas semanais (de segunda a quinta-feira), e vão acontecer nas escolas municipais e/ou em espaços alternativos da comunidade (Igrejas, Associações, ONGs,etc.), conforme a necessidade local e em parceria firmada com a Prefeitura Municipal de Cabedelo. 

De acordo com o Coordenador do PBA em Cabedelo, professor Gilberto Silva, mesmo sendo um programa com mais de dez anos de existência, é a primeira vez que a Prefeitura se inscreve com o objetivo de gerenciar a iniciativa. 

"Desde já, eu queria agradecer à secretária de Educação, professora Clecy, e ao prefeito da cidade, Leto Viana, por terem a sensibilidade de inscrever o município pela primeira vez nesse programa do MEC, que já existe há alguns anos. O déficit de analfabetismo, em nossa cidade, ainda persiste, em média, de 6 a 10% da população, mas, através deste programa, queremos oferecer toda a condição necessária para que os cidadãos sejam alfabetizados em suas comunidades. Para tal, já contamos com um bom grupo comprometido em desenvolver um trabalho muito importante para todos nós”.

A atual formação destes bolsistas está sendo realizada com 04 Coordenadores de Turmas (cada um responsável por 01 polo com 05 turmas) e com 20 Alfabetizadores (cada um responsável por 01 turma). Todos eles já passaram por um Processo Seletivo Simplificado e um Encontro Técnico, realizados nos últimos meses. 

Cada bolsista-coordenador receberá uma bolsa mensal no valor de R$ 800 . Já para o bolsista-alfabetizador, a bolsa mensal será no valor de R$ 400. 

A professora formadora, Vanda Holanda Negócio, técnica da Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba (Funetec), instituição parceira da Secretaria de Educação de Cabedelo, falou da necessidade do processo de formação inicial e continuada dos bolsistas. 

"Os bolsistas estão sendo preparados para atuar em Cabedelo no combate ao analfabetismo, cujos índices são bastante acentuados, como na maioria das cidades nordestinas, principalmente aqui na Paraíba. Estes profissionais vão oportunizar a algumas pessoas o direito à inclusão social, através da alfabetização, e para isso, serão gradativamente acompanhados e capacitados de acordo com a necessidade de cada localidade”.

A professora Ludmylla Dornelas, mestranda em Educação, bolsista-coordenadora do programa, emitiu sua opinião sobre o PBA. "É de suma importância fazer parte desse processo de alfabetização de pessoas que não tiveram a oportunidade de letramento na idade correta. Isso, sem falar, que para minha formação é extremamente necessária a participação nesse programa, pois ampliará ainda mais a minha área de conhecimento". 

Inscrições dos Alunos - As inscrições voluntárias dos alunos ainda estão abertas e podem ser realizadas na Secretaria de Educação, ou através dos próprios alfabetizadores.  

As turmas de alunos serão formadas pelos próprios alfabetizadores nas comunidades, principalmente onde há incidência de casos de pessoas que ainda não foram alfabetizadas e estão à margem do processo de ensino e aprendizagem por algum motivo. 

Os turnos das aulas serão definidos de acordo com a necessidade dos alfabetizandos, sendo que 90% dos inscritos já optaram pelo noturno. A expectativa é que cerca de 400 alunos sejam contemplados com o programa em Cabedelo. 

Sobre o Brasil Alfabetizado - O PBA é promovido pelo Ministério da Educação (MEC) e voltado para a alfabetização de jovens (a partir dos 15 anos), adultos e idosos, nas cidades e estados que ainda apresentam índices de analfabetismo significativos

Após a inscrição no programa, os municípios recebem apoio técnico na implementação das ações, visando garantir a continuidade dos estudos aos alfabetizandos. O principal objetivo do programa é promover a superação do analfabetismo entre jovens com 15 anos ou mais, adultos e idosos, e contribuir para a universalização do ensino fundamental no Brasil. 

Secom Cabedelo







Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


36 Anos Da Escola Rosa Figueiredo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180