Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Palestras e mutirão de exames da próstata marcam atividades do Novembro Azul
24/11/2014 - Secretaria de Saúde

Foto da Internet


Esclarecimento sobre a prevenção e a disponibilização de exames para a comunidade. Essas foram algumas das ações realizadas durante a última semana pelo Centro Municipal de Referência em Saúde Leonardo Mozart – Anexo II da Policlínica, em alusão ao Novembro Azul, iniciativa coordenada pela Secretaria de Saúde de Cabedelo (Sescab).

As ações continuam nesta terça-feira (25), com a realização de um mutirão de exames de próstata, com o médico Rodrigo Campos, a partir das 08h00. Já na quarta-feira (26), será a vez de uma consulta eletiva com o urologista Jarques Lúcio, a partir das 10h00. As duas atividades acontecem no Anexo II.

O Anexo da Policlínica conta com uma equipe de 04 urologistas, sendo dois da equipe profissional da Prefeitura e dois da Faculdade de Ciências Médicas. Para se submeter aos exames, os interessados devem se dirigir à recepção do Anexo e realizar o cadastro.

“Nesse mês, chamado Novembro Azul, o Anexo da Policlínica intensifica a atenção por conta da campanha, mas a rotina do setor é prestar constantemente um serviço amplo, qualificado e humanizado para que os usuários se sintam bem atendidos e à vontade para contar seus problemas. Contamos com uma equipe multiprofissional e buscamos sempre estar junto dos usuários, num corpo a corpo, para prestar um atendimento integral”, explicou Elisandra Gomes Chaves Santos, diretora do Anexo.

Na última terça-feira (18) foi realizada uma palestra com o médico Rodrigo Campos, que teve como temas as doenças relacionadas à próstata, a importância da prevenção e orientações sobre os exames necessários para a detecção da doença. Na quarta-feira (19), um mutirão de exames de próstata reuniu a população masculina da cidade para a realização do exame preventivo ao câncer de próstata.

“É a oportunidade de lembrar aos homens sobre a preocupação que eles têm de ter com o câncer de próstata, e também com outras doenças, das quais eles não têm consciência, não se percebem como portadores, nem que podem também ser transmissores. Além disso, é o momento de contribuir com a quebra dos preconceitos, para que os homens encarem de forma realista os perigos da doença e, a partir dos 40 anos, tenham real preocupação com elas”, destacou Elisandra.

O urologista Rodrigo Campos falou sobre a importância da campanha como um momento de conscientização. “O Novembro Azul não pode ficar restrito a apenas um mês. É preciso que essa consciência e possibilidades se alastrem pelo ano todo para que o homem, no momento oportuno, passe a ter alguns cuidados com a sua saúde. O maior propósito que a campanha pode ter é o de tirar a barreira e o medo que o paciente tem de ir ao seu médico urologista”.

O “médico do homem” – Os últimos 20 anos foram marcados por avanços significativos nos métodos de rastreio do câncer de próstata. “O advento de alguns novos métodos diagnósticos, principalmente o PSA, permitiu que ocorresse um diagnóstico mais precoce, já que, até então, o câncer de próstata era uma doença que, na maioria das vezes, só era diagnosticada em estágios avançados. A facilidade de acesso a exames simples, como o exame digital da próstata e o PSA, permite dar ao paciente uma oportunidade de contar com um diagnóstico precoce e seguro”, ressalta Rodrigo.

O urologista também identifica um novo perfil da sua especialidade em relação à saúde do homem, contribuindo para quebrar os preconceitos existentes quanto ao acompanhamento da saúde do homem.

“Assim como a mulher tem uma médica que cuida da sua saúde, o urologista hoje tenta incorporar o conceito de que o homem precisa de acompanhamento, precisa do seu médico para acompanhá-lo e tirar suas dúvidas em relação aos cuidados com a saúde. É importante que, mesmo sem sentir nada, o homem faça consulta com o urologista e, mais importante ainda, é que o urologista esclareça ao paciente a importância do exame, para que ele entenda melhor a doença que, apesar do nome, tem uma boa probabilidade de cura”.

Quebrando tabus - Josinaldo Gomes da Silva é funcionário público e morador do Monte Castelo. Aos 50 anos foi fazer o exame de próstata pela primeira vez, durante o Mutirão de Exames, realizado no último dia 19, no Anexo da Policlínica. “Acho importante cuidar da saúde, porém esse exame eu nunca fiz, mas me incentivaram muito e apareceu essa oportunidade”.

Já o auxiliar de serviços Jonathan Gonçalves Albuquerque de França, de  23 anos, morador do bairro de Camalaú destacou a importância do Novembro Azul, principalmente pela oportunidade que a população tem de assistir palestras com especialistas. “Essas atividades servem para alertar os homens de que eles devem cuidar mais da saúde. É preciso conscientizar para matar o preconceito que ainda existe com o exame de toque. O câncer é uma doença silenciosa e as pessoas têm que aprender a se cuidar, principalmente os homens, já que as mulheres vivem rotinas com a ida ao ginecologista regularmente, e os homens também precisam aprender essa rotina”.

Genilzon Aires, de 60 anos, funcionário público e morador de Camalaú, cuida da saúde regularmente e, desde os 40 anos, realiza exames preventivos. “É muito importante porque vai combatendo um preconceito que os homens sempre tiveram de fazer o exame de próstata, principalmente quando se trata do toque. É preciso orientação para que eles ajam de forma rotineira. Desde os 40 anos eu faço o PSA e o toque, e aconselho a todos os homens fazerem o mesmo”.

Secom Cabedelo



Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Desfile Civico - 7 de Setembro
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180