Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Professores participam de Formação em História e Cultura Afrobrasileira e Indígena
28/10/2015 - Secretaria de Educação

Michael Sampaio



A Secretaria de Educação de Cabedelo (Seduc) promoveu, na terça-feira (27), um Curso de Formação em História e Cultura Afrobrasileira e Indígena para cerca de 60 professores das disciplinas de História, Português e Artes da Rede Municipal de Ensino. A capacitação aconteceu no Cabedelo Clube e reuniu ainda supervisores e coordenadores pedagógicos da cidade.

A iniciativa, pioneira no Município, é uma das estratégias do Plano Municipal de Educação (PME) e atende às  Lei  nº 10.639/03 e 11.645/08 que estabelecem as diretrizes e bases da educação nacional para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática. 

A formação foi ministrada pela pedagoga e professora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Daniele Dias, que trouxe experiências de sala de aula e maneiras de como abordar o assunto interdisciplinarmente. 

“No próximo dia 20 de novembro é comemorado o Dia da Consciência Negra, e quisemos transformar essa comemoração num espaço mais longo para que possamos ter uma troca de ideias e de experiências. O tema da diversidade étnico-racial é importantíssimo, não é uma disciplina, mas está presente na sala de aula, na vida das pessoas, nas rodas de conversa, na sociedade, no racismo que as pessoas praticam explicitamente ou não. É preciso que a escola dê esse recado, informando que todos somos iguais, temos os mesmos direitos e que não é a cor da pele que define o caráter ou a posição na sociedade”, destacou o assessor especial da Seduc, Neroaldo Pontes. 

Para o professor de Artes Fernando Bernardo, da Escola Miranda Burity, a temática já faz parte da sua realidade, mas iniciativas como essa ajudam para trazer mais ideias de como tratar um tema ainda estigmatizado pela sociedade.

“Quando a gente começa a falar sobre uma cultura, do índio ou do negro, muitas vezes é discutido nas escolas como se fosse uma coisa paralela. Quando se fala do índio, é como se fosse aquele índio com uma tanguinha e uma pena na cabeça, dentro de uma tribo caçando. E o índio, hoje, está na cidade, na escola, ele trabalha. Tem índios médicos, professores... Com o negro é a mesma coisa. Então, quando se fala de cultura, de identidade, e principalmente, quando vamos trabalhar sobre a nossa cultura, as nossas raízes, é importante sairmos desse conto de imaginação e trazer para a nossa realidade. E quando nós, professores, sentamos para discutir essa temática, já é um grande passo rumo ao nosso reconhecimento cultural", disse.

Secom Cabedelo









Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Seminário de Planejamento do Projeto Vivendo Cabedelo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180