Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente de Cabedelo promove curso para Conselheiros Tutelares
23/11/2015 - Secretaria de Ação e Inclusão Social

Antonio Suelinton



A Rede de Serviços de Proteção à Criança e ao Adolescente de Cabedelo, através do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) e do Centro de Referência em Assistência Social (Cras), realizou, nesta segunda-feira (23), no auditório do Gabinete do Prefeito (Gapre), um reunião de capacitação e sensibilização para os Conselheiros Tutelares do município.

No encontro, foram apresentados painéis sobre os serviços da Secretaria de Ação e Inclusão Social (Semais), as funções e papéis do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), a Vigilância em Saúde e o preenchimento da ficha de notificação compulsória, que instrumentaliza a geração de estatísticas e contribui para a elaboração de políticas públicas em relação à violência contra crianças e adolescentes. Também foram apresentados a estrutura e os modos de ação do Cras e do Creas no município.

"O intuito do encontro é sensibilizar o novo conselheiro tutelar, que assumirá em janeiro, sobre as causas da criança e do adolescente. É uma contribuição dos serviços da rede de assistência como um todo ao Conselho Tutelar, para que eles possam enxergar as demandas existentes no município e possam trabalhar de forma mais sensível à causa, à medida que vão vendo essa demanda. Nós, como rede de proteção, unificamos todos os esforços no sentido de sensibilizá-los e ajudá-los em tudo aquilo que eles tiverem dúvida acerca de cada serviço especifico”, explicou o coordenador do Creas, Cristiano Porfírio.

Para Porfírio, a eficiência do trabalho dos conselheiros tutelares depende, em muito, do conhecimento sobre os serviços disponibilizados, das funções e operacionalidade de cada um e dos mecanismos de acesso.   

“Nos casos que chegam ao Conselho, o conselheiro tem que saber para onde enviar, de que forma enviar, qual serviço procurar, qual o tipo de recurso que ele pode dispor... Seja da rede de assistência, de saúde, de educação. Cada serviço tem muito a disponibilizar e eles devem aproveitar o que podem oferecer ao bem estar de crianças e adolescentes”, destacou.

No encontro também foi apresentado o fluxo de atendimento a criança e ao adolescente vítimas de violência que, de acordo com Porfírio, é um instrumento a ser utilizado em caso de verificação de abuso. Nele, constarão os encaminhamentos dos órgãos de proteção aos direitos até a responsabilização, bem como a forma de encaminhamento para hospitais referência. O documento - que constará de portaria a ser assinada pelo prefeito - deverá ser encaminhado a cada órgão componente da rede.

O Juiz titular da 2ª vara da Infância e Juventude de Cabedelo, Antônio Silveira, comentou a necessidade do trabalho unificado entre os vários organismos para o enfrentamento das questões relativas às crianças e aos adolescentes na cidade.

“Temos acompanhado o trabalho dos Conselhos e, a medida que vamos trabalhando, interagindo com eles, vamos vendo os pontos positivos e os negativos. Precisamos cada vez mais de integração, de um conviver integrado entre os vários serviços, porque senão não vamos atender as demandas que são tão importantes e que envolvem a criança e o adolescente na comunidade de Cabedelo. O município tem 60 mil pessoas, não é um município grande, então se estivermos bem estruturados, bem integrados, trabalhando com seriedade, com senso de organização e responsabilidade, vamos conseguir ter o mínimo de controle sobre esses processos”, destacou.

Para a conselheira do Setor II, Cássia Santiago, a reunião teve um papel importante na atualização dos antigos conselheiros e de formação para os novos.

“Dou nota 10 para a iniciativa dessa reunião. Foram explicadas as situações, os processos passo a passo. As coisas básicas que um conselheiro deve saber: os serviços, a elaboração de relatórios, a comunicação, para onde encaminhar os casos. É bom, fundamental, ter conhecimento dessas coisas. Foi muito importante, sobretudo para o pessoal que foi eleito”, salientou. 

Secom Cabedelo 





Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Seminário de Planejamento do Projeto Vivendo Cabedelo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180