Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Cabedelo participa do Dia D de Combate ao Aedes Aegypti
11/2/2016 - Secretaria de Saúde




A Secretaria de Saúde de Cabedelo (Sescab) participa, neste sábado (13), do Dia D de combate ao mosquito Aedes Aegypti. A ação acontece em todo município, das 8h às 17h, e vai contar com a presença do Exército Brasileiro, que visitará as casas levando informações preventivas. 

Ao todo, participam do Dia D 40 agentes municipais e 140 militares do Exército. As ações serão concentradas no Mercado do Renascer, na Feira de Oceania e no Centro, em frente à Sescab. 

“A campanha em nível nacional levará informações e educação em saúde relacionadas ao enfrentamento ao Aedes Aegypti, vetor causador da Dengue, Chikungunya e Zika vírus. Ao longo de todo o dia, nossas equipes distribuirão folders e orientações de casa em casa”, explica a coordenadora da Vigilância em Saúde do município, Elisete Pimentel. 

Desde o início do ano, a Secretaria de Saúde de Cabedelo vem realizando ações priorizando a visitação de residências, sempre com a ajuda do Exército. Até a última sexta-feira (05), a força-tarefa atingiu 60% do seu objetivo, levando informações e prevenção, principalmente, às casas de veraneios. 

Números positivos - Apesar do surto de Dengue e do Zika vírus observado em todo o País, desde o início de 2015 Cabedelo tem mostrado números bastante satisfatórios de controle do mosquito transmissor Aedes Aegypti. As várias ações desenvolvidas sob orientação do Comitê Gestor de Combate à Dengue têm surtido efeito positivo, mantendo o município com índices abaixo do limite aceitável no Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti (Lira). 

Segundo os setores da Vigilância Ambiental e Epidemiológica de Cabedelo, em 2015 foram 1.451 notificações de Dengue, e apenas 39 casos confirmados. Em janeiro deste ano, a Sescab confirmou apenas dois casos da doença. 

Ainda de acordo com a Vigilância em Saúde, os dados oficiais da Secretaria Estadual da Saúde (SES) mostraram considerável aumento no número de notificações de casos suspeitos de Dengue em 2015, se comparado ao ano anterior. Porém, em grande parte, eles refletem o maior estímulo por parte dos órgãos de saúde na indicação de suspeita para as doenças relacionadas ao Aedes Aegypti.

“Todos os recursos necessários estão sendo disponibilizados no controle da Dengue, Chicungunya e Zika vírus, com várias ações de caráter continuado de combate ao Aedes Aegypti, e na busca ativa de focos do mosquito. Outras áreas do Governo Municipal também estão atuando decisivamente no trabalho de eliminação de pontos críticos e ampliação da coleta de resíduos e entulho”, destaca o secretário de Saúde de Cabedelo, Jairo Gama. 

Microcefalia – No que se refere à microcefalia, desde o início das estatísticas até o 3º Boletim Oficial da SES, datado de janeiro de 2016, Cabedelo teve 15 notificações. Destas, dois casos foram confirmados causados por Zika vírus; cinco estão sendo investigados e oito foram descartados. Em janeiro de 2016, não ocorreu nenhuma notificação da doença. 

Para denúncias de focos do Aedes Aegypti, a Sescab disponibiliza os os telefones da Vigilância Ambiental: 3250.3501 e da Vigilância Epidemiológica: 3250.3141.
 
Secom Cabedelo









Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Festival de Crochê
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180