Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Projeto Ondinas de Cabedelo é apresentado às artesãs locais
22/2/2016 - Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres

Michael Sampaio


A Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPM), em parceria com o programa Desenvolver Cabedelo, lançou, na última sexta-feira (19), o projeto Ondinas de Cabedelo, iniciativa que pretende dar maior visibilidade ao trabalho artesanal desenvolvido no município. Cerca de 40 artesãs locais compareceram ao Auditório do Gabinete do Prefeito (Gapre) para conhecer a filosofia, objetivos e metas do projeto.

Durante o encontro, além das linhas do projeto, também foram apresentados os conceitos básicos e a metodologia da “Oficina de criação e planejamento de produtos artesanais de Cabedelo”, curso a ser orientado pelo coordenador do Ondinas, o estilista Léo Mendonça. Além disso, foram realizadas inscrições para as artesãs interessadas em participar da iniciativa. 

“Feliz por esse momento estar acontecendo em Cabedelo e, sobretudo, por representar um pontapé inicial no processo de visibilidade do trabalho criativo desenvolvido por nossas artesãs. Queremos com esse projeto explorar a sapiência, o saber, a criação, potencializar os dons dessas artistas e ajudá-las a agregar valor e dar mais visibilidade às suas criações. Para nós que fazemos a gestão é um momento de muita alegria”, comentou a primeira-dama Jaqueline Monteiro.  

A estratégia do projeto Ondinas, de acordo com secretaria adjunta da SEPM, Geusa Ribeiro, é a elaboração de uma coleção de itens (roupas e acessórios) e, ao final, a realização de uma exposição para promover a visibilidade do trabalho artesanal desenvolvido no município.

“Existe uma preocupação da gestão com as mulheres que trabalham com o artesanato em Cabedelo. Sabemos das dificuldades delas, desde a criação e inovação até os aspectos comerciais, como os processos de aquisição de matérias primas e vendas dos produtos. O projeto é uma oportunidade para a capacitação, a sensibilização e a visibilidade do trabalho produzido”. 

Geuza adiantou que, em breve, serão realizadas reuniões entre os coordenadores para definir o cronograma das atividades. A previsão inicial é que ele seja apresentado ao público no mês de março, já com o início das atividades. 
 
Maria José, Gomes Vanderlei, artesã residente em Camalaú, avaliou que o projeto veio de encontro às suas atuais preferências. 

“Acho uma iniciativa maravilhosa. Porque atuo nesse ramo desde muito cedo e, no momento, estou também fazendo desenho em modas. Achei importante ver que as duas coisas se aproximam: o artesanato que já faço e a moda”. 

Por sua vez, a artesã Elisângela Mendonça da Silva destacou o projeto como uma oportunidade: “O projeto é ótimo. As mulheres artesãs estavam precisando muito dessa oportunidade. Valeu a pena ter vindo a essa apresentação. Esperamos que o projeto ande, porque vai ser muito importante para as mulheres artesãs de Cabedelo”. 

Fases - O projeto Ondinas tem por base a constatação das dificuldades por que passam as pessoas que trabalham com artesanato em Cabedelo para inovar, divulgar e vender as peças produzidas. Por outro lado, há também a visualização dos potenciais abertos no mercado para a atividade artesanal, sobretudo ligada ao estilismo.

A iniciativa busca, basicamente, capacitar essas artesãs na área do estilismo e na criação de produtos artesanais, como forma, também, de revitalizar o artesanato local, valorizar e integrar as artesãs do município. 

Entre as metas do projeto, estão a capacitação, o apuro das técnicas artesanais, a criação e elaboração de peças de design de modas (roupas e acessórios), a montagem de portfólio das peças da coleção, a documentação fotográfica e vídeo gráfica e a exposição artística. 

Além da SEPM e do Desenvolver, o projeto ainda conta com o apoio das Secretarias de Cultura, Turismo, Ação e Inclusão Social, Comunicação Social e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPB).

Ondinas - O nome do projeto é uma referência aos elementos aquáticos que traduzem os mistérios da beleza, da sedução, da sensualidade, do romantismo e da energia da água. As ondinas são as guardiãs da água. É também uma referência à tendência dominante entre os artesãos cabedelenses de trabalhar com subprodutos da atividade pesqueira, como mariscos e escamas de peixe, atividade na qual é pioneira.

Secom Cabedelo



Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


36 Anos Da Escola Rosa Figueiredo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180