Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Alunos da rede municipal serão protagonistas no combate ao mosquito Aedes Aegypti
24/2/2016 - Secretaria de Educação

Thiago Pantera



Mobilizar a sociedade a partir da comunidade escola no esforço nacional de combate ao mosquito Aedes Aegypti, causador da Dengue, da Zika e da Chinkungunya. Esse é o objetivo do projeto “Combate ao mosquito Aedes Aegypti: uma ação coletiva em prol da vida”, apresentado nesta terça-feira (23), pela Secretaria de Educação de Cabedelo (Seduc). 

A iniciativa tem por meta agregar, intersetorialmente, secretarias municipais, órgãos estatais e iniciativa privada em ações voltadas ao esclarecimento acerca dos males provocados pelo mosquito, à prevenção e ao combate efetivo aos focos do inseto.

A reunião – que também teve como objetivo a análise e a adesão por parte das demais secretarias – é uma iniciativa da Seduc e da Secretaria de Saúde (Sescab), por meio da Coordenação e Projetos Educacionais (CPE) e do Programa Saúde na Escola (PSE). O encontro reuniu representantes das secretarias de Educação, Saúde, Infraestrutura, Meio Ambiente, Cultura, Mobilidade Urbana, Comunicação, Turismo e da Fundação Nacional da Saúde (Funasa).

Atualmente, a iniciativa conta com uma equipe gestora formada por membros das CPE e do PSE. A intenção é criar um Comitê Municipal de Combate ao Mosquito Aedes Aegypti com representantes das secretarias e órgãos envolvidos com o projeto.   

A iniciativa cabedelense atende, também, à convocação do Ministério da Educação para que os 60 milhões de brasileiros envolvidos com a educação se engajem no combate ao Aedes Aegypti. Para tanto, os dias 26 de fevereiro e 4 de março foram indicadas para mobilizações a serem realizadas no país. Em Cabedelo – com o semestre letivo previsto para iniciar na próxima segunda-feira (29) – esta quarta-feira (24) será reservada para um encontro com gestores e supervisores escolares. 

O “Combate ao mosquito Aedes Aegypti: uma ação coletiva em prol da vida” prevê, durante todo o período letivo, atividades internas nas Unidades de Ensino e extensivas às comunidades em que elas estão inseridas. Atividades pedagógicas, culturais, esportivas, distribuição de materiais de publicidade, palestras, formações, inserções da temática nos eventos programados para o período e a produção de material informativo e de registro das atividades também são algumas das estratégias previstas para a execução do projeto. 

A secretaria da educação, Clecy Vasconcelos, destacou o protagonismo do alunado no processo de execução do projeto. 

“Essa é uma ação importante para os nossos educandos por ser uma proposta integrada de combate ao mosquito Aedes Aegypti, ou seja, a comunidade escolar será protagonista nesse trabalho. Serão ações educativas em que os alunos, além de aprenderem, se tornarão multiplicadores de atos benéficos de combate ao inseto e aos males por ele causados. Os alunos serão os participantes ativos, a base de todo o processo”. 

Estratégias pedagógicas – O protagonismo nas escolas no projeto de combate ao Aedes Aegypti se dará pela atividade em sala de aula, como explica Gilberto Silva, da Coordenação de Projetos Educacionais, 

“Percebemos que os alunos como protagonistas poderiam começar a aplicar o conhecimento adquirido na escola em ações cotidianas de limpeza e higienização da casa, de verificar seu terreno e fazer isso na sua vizinhança, por exemplo. Então, com cada aluno fazendo isso, a gente vai ter uma ação coletiva sendo desenvolvida semanalmente durante o ano todo. Além disso, o aluno estará num processo de de ensino-aprendizagem, num processo avaliativo que envolve todas as disciplinas e todos os educadores da escola”. 

Antecedentes – O projeto “Combate ao mosquito Aedes Aegypti: uma ação coletiva em prol da vida”, é um desdobramento de ações de parceria entre instituições, órgãos governamentais e não-governamentais em formação para alunos, professores, supervisores e gestores escolares, e parcialmente executadas entre os meses de outubro, novembro e dezembro do ano passado.

Entre essas ações, destacam-se os projetos “Lixo fora do Lixo: problema nosso de cada dia” e “Protagonistas ambientais” (desenvolvidas em seis escolas municipais), e o “Educação mobiliza: Cabedelo Limpa”, que contou com a participação de cinco escolas.   

Secom Cabedelo





Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Desfile Civico - 7 de Setembro
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180