Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Palestras, atrações culturais e homenagens marcam III Fórum do Dia Internacional da Mulher
10/3/2016 - Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres

Michael Sampaio



Palestras, apresentações culturais, lançamento de projetos e homenagens às mulheres cabedelenses. Foi assim o III Fórum do Dia Internacional da Mulher, que aconteceu nesta quarta-feira (9), no Cabedelo Clube. O evento – promovido pela Secretaria de Políticas Públicas Para as Mulheres (SEPM), com o engajamento da primeira-dama Jacqueline Monteiro – fez parte do vasto calendário semanal de atividades em comemoração ao 8 de março - Dia Internacional da Mulher. 

Sob o tema “Mulher: corpo, mente e alma”, a terceira edição do Fórum contou com palestras da delegada da Mulher de João Pessoa, Wládia Holanda; e da professora Glória Rabay. O evento ainda foi palco para o lançamento oficial do projeto Ondinas de Cabedelo, voltado às artesãs locais, e apresentações culturais do Grupo de Dança do Ventre e da batucada Sambagirl, que movimentaram o Cabedelo Clube.

O III Fórum ainda lembrou e congratulou mulheres que fizeram sua história em Cabedelo. Este ano, as homenageadas pela primeira-dama foram a artesã Jô do Osso, as educadoras Nadja Santos e Rosita Viana, e a presidente da Associação de Mães e Pais de Pessoas com Deficiência de Cabedelo (Amapedec), Nicelma do Nascimento. Todas tiveram sua história e depoimentos exibidos em vídeos e textos, e receberam os aplausos de todos os presentes. 

O prefeito Leto Viana abriu o III Fórum do Dia Internacional da Mulher, e  destacou o papel da gestão frente às políticas públicas para mulheres. “Nossa administração teve uma visão de investimento quando implantou a SEPM de forma eficiente e com responsabilidade. Com isso, demos oportunidades de investimentos na geração de emprego e renda, e também na saúde da mulher”, disse. 

A primeira-dama Jacqueline, por sua vez, enfatizou sua luta enquanto gestora e vereadora pelos direitos das mulheres cabedelenses. “Eu, pessoalmente, tenho utilizado de meu mandato de vereadora para apoiar a valorização da mulher cabedelense, por meio, por exemplo, da aquisição do mamógrafo na Policlínica; da criação do Banco de Leite Humano na Maternidade; e do acompanhamento de gestantes, apenas para citar alguns exemplos”, pontuou. 

Violência e Feminismo - O tema da violência contra a mulher também foi abordado durante o evento, por meio da palestra da delegada da Mulher de João Pessoa, Wládia Holanda. Durante sua contribuição, ela explicou a atuação da polícia na Lei Maria da Penha: “Nos colocamos à disposição de todas vocês para discutir, caso necessário, a violência contra a mulher. A Polícia Civil atua na parte repressiva, depois que o crime acontece, para evitar a impunidade do agressor. Essa é a nossa responsabilidade”, disse. 

A delegada aproveitou o momento para distribuir panfletos informando os tipos de violência contra a mulher, a Lei Maria da Penha (Lei 11.340/06) e contatos das Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (DEAM) na Paraíba. Em Cabedelo, a Delegacia atendo pelo número (83) 3228.6349. 

A professora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Glória Rabay, também participou do III Fórum da Mulher com a palestra: “Feminismo: que onda é essa?”, expondo aos convidados as lutas da militância feminista, seu histórico e movimentos atuais. “O movimento Feminista surge no Brasil apenas no século XX, durante a década de 1930. É interessante observar que, apesar das inúmeras conquistas que nós temos até agora, as bandeiras continuam as mesmas. Continuamos lutando pelo direito de não apanhar em casa, lutando pelo direito de ser respeitada e não assediada... Avançamos muito, conquistamos muito, mas a luta não parou”, disse.  

Durante o Fórum, a professora ainda foi agraciada com o título de cidadã cabedelense, entregue pela primeira-dama, Jacqueline Monteiro. “Lembrei agora do meu pai. Se ele estivesse vivo, ficaria muito orgulhoso de mim. Ele gostava muito de Cabedelo. Estou muito honrada”, agradeceu, emocionada. 

Ondinas de Cabedelo – Ainda dentro da programação do III Fórum do Dia Internacional da Mulher, a secretária Mônica Pimentel apresentou o projeto Ondinas de Cabedelo, voltado à capacitação e ao apoio às artesãs locais. A iniciativa, que tem a primeira-dama como coordenadora, contará com oficinas ministradas pelo professor e consultor de moda Léo Mendonça, que é formado em Artes pela UFPB e fez questão de participar do lançamento oficial do programa.

 “A ideia é capacitar as artesãs, trazendo o design de moda aos seus produtos e tornando-os mais ousados, sofisticados, saindo do conceito habitual. Pretendemos fazer uma coleção de moda com os artesanatos dessas mulheres para dar visibilidade e prestígio aos seus trabalhos”, destacou Léo. 

As oficinas do Ondinas terão início na próxima quinta-feira (17). “É uma alegria muito grande, em todos os sentidos, até porque também sou da área – trabalho com roupas de praia, é meu outro ofício – e é uma coisa que eu sempre valorizei muito. Poder estar à frente desse projeto foi um grande presente da primeira-dama, agarrei com unhas e dentes”, completa Mônica. 

Secom Cabedelo





Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


36 Anos Da Escola Rosa Figueiredo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180