Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Artesãs participam de aula inaugural do Projeto Ondinas de Cabedelo
31/3/2016 - Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres

Michael Sampaio



“Somos mulheres e homens com garra e, graças a Deus, essa gestão abriu essa porta que, com certeza, irá se transformar num grande portal. O projeto é bem-vindo e sei que vai ser sucesso aqui, lá fora e vai ficar na história de Cabedelo. Essa é uma mostra de uma gestão que tem um olhar preocupado com seus artesãos”. A declaração, cheia de orgulho, é da presidente da Associação dos Artesãos Farol de Cabedelo, Tereza Júlio, que, junto a outras 60 artesãs, participou da aula inaugural do Projeto Ondinas Cabedelo, que aconteceu nesta quinta-feira (31). 

A Oficina de Criação e Planejamento de Produtos Artesanais será ministrada pelo estilista Léo Mendonça, em uma iniciativa da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPM). A aula é o pontapé inicial do Ondinas de Cabedelo, projeto que tem como metas capacitar e dar maior visibilidade à produção das artesãs locais.

A Oficina, que terá a duração de três meses, tem por objetivo final elaborar uma coleção de moda (roupas e acessórios). Para tanto, o conteúdo programático prevê a abordagem de temas como moda, empreendedorismo, administração financeira e vendas. 

A primeira-dama do município, Jacqueline Monteiro, idealizadora do Ondinas, destacou a importância da mulher na sociedade, a força da organização delas na conquista de espaços e o valor da união de energias para a valorização de seus trabalhos.

“Temos hoje aqui cerca de 60 artistas, em sua grande maioria mulheres, que tem uma coisa em comum: a habilidade manual de produzir arte para fazer cultura. A produção da arte que sabem fazer contribui para um mundo mais humanizado. Por isso, é preciso que seus trabalhos sejam valorizados, que possam contribuir para a melhoria da qualidade de vida. Para que alcancem autonomia financeira, é necessário que seus produtos façam parte de uma cadeia produtiva, que encontrem mercado e que sejam competitivas”, declarou.

A secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, Mônica Pimentel, destacou o protagonismo das artesãs na realização do Projeto.

“As artesãs são as estrelas desse projeto. Queremos, com ele, juntar o talento delas, cada uma com seu fazer especifico, para produzir uma coleção de modas e mostrar a cara do artesanato de Cabedelo para todo o país. Hoje iniciamos um caminho e confio que será uma trilha repletas de êxitos. Confiamos, sobretudo, no empenho e no compromisso de cada polo envolvido no Projeto”. 

Quem vai coordenar essa primeira etapa do projeto é o estilista, produtor de moda e consultor de estilo e imagem, Léo Mendonça. Segundo ele, sua participação será para levar um olhar fashion às produções das artesãs. 

“O que me proponho com esse projeto é não só trazer uma capacitação, pois elas já têm suas técnicas de artesanato que utilizam de forma admirável. O que venho trazer é o olhar do designer de moda, ou seja, enriquecer o lado artístico para as técnicas que elas já utilizam e dominam de maneira exemplar. Minha expectativa, diante do apoio que venho recebendo da Prefeitura e do nível de participação das artesãs, é poder realizar um trabalho grandioso com a marca Ondinas, que foi criada para inseri-las no maior mercado possível, não só na cidade, mas em todo o Brasil e, quem sabe, no mundo”, destacou.

A Oficina de Criação e Planejamento de Produtos Artesanais terá a duração de três meses e as aulas acontecerão no auditório da Semais, nas terças e quintas feiras, com turmas divididas por turnos, para que todas as inscritas possam participar. As aulas seguem no próximo dia 5 e acontecem pela manhã, das 9h às 12 h; e à tarde, das 13h30 às 16h30.

Homenagem e expectativas – Durante a cerimônia, a primeira-dama Jacqueline Monteiro entregou o título de honra ao mérito cabedelense à artesã Maria Josilene Bernardo de Souto, a Jô do Osso. A comenda foi concedia pela Câmara Municipal de Cabedelo por conta da visibilidade que Jô deu ao artesanato local, nacionalmente e internacionalmente, em favor do desenvolvimento econômico e social do município. Na ocasião, a homenageada falou sobre suas expectativas sobre o projeto.

“A expectativa é que o Ondinas venha trazer apoio para nós, artesãs, e um desenvolvimento para Cabedelo. Sobretudo, o desenvolvimento do turismo, pois o turista também é atraído pelo trabalho bonito que o artesanato pode mostrar. Esse é um dos primeiros projetos que participo e o que mais me cativou, pois tem fundamento numa área que também trabalho, que é a moda. Acho que vai ser muito importante para a gente. Foi uma boa iniciativa da Prefeitura e espero que saibamos aproveitar a oportunidade que está sendo dada”, disse. 

Ondinas - O nome do projeto é uma referência aos elementos aquáticos que traduzem os mistérios da beleza, da sedução, da sensualidade, do romantismo e da energia da água. As ondinas são as guardiãs da água. É também uma referência à tendência dominante entre os artesãos cabedelenses de trabalhar com subprodutos da atividade pesqueira, como mariscos e escamas de peixe, atividade na qual é pioneira.

Secom Cabedelo





Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Desfile Civico - 7 de Setembro
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180