Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
SEPM realiza II workshop de crochê para artesãs de Cabedelo
25/11/2016 - Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres

Michael Sampaio


Aperfeiçoamento é a palavra chave para definir o workshop de crochê promovido pela Secretaria de Politicas Públicas para as Mulheres (SEPM) nestas quinta e sexta-feira (24 e 25). O curso, voltado para artesãs que trabalham com a técnica, reuniu, no auditório da Secretaria de Ação Social (Semais), cerca de 45 mulheres, que tiveram a oportunidade de obter conhecimento acerca de qualidade de linhas, modelagens e cálculo dos valor de comercialização de peças.

Esta é a 2ª edição do workshop. A 1ª, ocorrida há três meses, contou como  uma das etapas do Projeto Ondinas de Cabedelo. O curso destes dias 24 e 25 foi ministrado pelo designer Neddy Ghusman e, ao final das atividades, as participantes terão direito a certificado.  

“O curso é voltado para o aperfeiçoamento de técnicas para quem já sabe. Estamos trazendo peças e modelos novos, ensinando a elas como vender suas peças e, acima de tudo, como valorizar o seu trabalho”, definiu o ministrante do curso. 

O designer também falou do trabalho voltado para a autoestima das alunas e a valorização do trabalho do artesão local. 

“Temos que mostrar a essas artesãs que o que elas fazem é uma profissão. Muita gente não encara o artesanato como profissional, elas têm que aprender a lidar com seu oficio, com o dom que Deus lhes deu, e se sentir valorizadas. Essas mulheres têm a arte nas mãos e um grande potencial de ganhar dinheiro e sustentar suas famílias com o trabalho manual”, comentou.

Repercussão – O II Workshop de Crochê reuniu pessoas que participaram da primeira edição, e também iniciantes. Todas demonstravam uma expectativa quanto ao aprendizado, à avaliação e às oportunidades abertas pela iniciativa. 

“Para mim está sendo importante, porque não tenho muita prática de crochê. Está sendo muito útil porque é um momento em que as mulheres estão aqui envolvidas com uma atividade. Mulher tem que ser mesmo independente, é uma oportunidade delas também não serem só donas de casa, só do lar, e, sim, ter algo produtivo para fazer. Estou saindo de uma depressão e esse momento é muito gratificante para mim, acredito que é também para muitas pessoas que estão aqui. Acho que é um projeto muito importante, pois cada participante tem a oportunidade de mostrar o que pode e o que sabe fazer”, declarou a professora e aposentada, Maria Madalena da Silva.

Para Maria das Graças Patrício, que já é participante do Ondinas Cabedelo, iniciativas como essas têm motivado bastante as artesãs de Cabedelo. 

“As iniciativas da SEPM vieram nos engrandecer, dar orgulho, igualdade e respeito ao nosso trabalho. Em meu nome e de minhas colegas posso dizer que, aqui em Cabedelo, nunca tivemos momento como o atual. Trabalhamos com artesanato, mas nunca fomos reconhecidas. Através da SEPM e da gestão, estamos brilhando, com o nosso artesanato sendo reconhecido por meio de divulgação, exposições, desfile, e aperfeiçoado, através de cursos como esse e de palestras. Em termos de conhecimento, então, não temos nem palavras para avaliar, são valiosos e gratuitos. Só temos que agradecer pelas oportunidades”, finalizou. 

Secom Cabedelo

 

 


Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


36 Anos Da Escola Rosa Figueiredo
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180