Redes Sociais - Facebook, Instagram, Twitter
Notícias
Cabedelo lança hotsite pioneiro no combate ao mosquito Aedes Aegypti
21/7/2017 - Secretaria de Educação




A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio das Secretarias de Educação (Seduc), Saúde (Sescab) e Comunicação (Secom), lançou, nesta quinta-feira (20), o hotsite "Se Manda Mosquito", que atuará no combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor de várias doenças como Dengue, Chinkungunya, Zika Vírus e Febre Amarela. 

A iniciativa, pioneira no Nordeste, faz parte das estratégias do grupo gestor do Plano de Contingência de Combate ao Aedes Aegypti, que já vem compondo o projeto pedagógico das escolas municipais de Cabedelo desde o ano passado. 

O Se Manda Mosquito está hospedado no site oficial da Prefeitura e será alimentado, frequentemente, com informações, pesquisas e mais dicas de combate ao Aedes Aegypti. O hotsite vai informar dados sobre criadouro e a forma de eliminá-lo, e ainda indicará se o agente de endemias da localidade está presente e agindo corretamente.

O evento de lançamento do hotsite aconteceu no auditório da Seduc, e contou com a participação de representantes e secretários de diversas pastas, bem como da primeira-dama e vereadora Jacqueline Monteiro. 

“Queria parabenizar a todos pela criação dessa nova ferramenta. É uma iniciativa pioneira e maravilhosa, que preza pela qualidade de vida do povo cabedelense e que envolve os nossos alunos da rede municipal. Quero desejar sucesso nesse novo trabalho e que nós possamos realmente expulsar esse mosquito de nossas vidas”, comentou a primeira-dama.

O secretário de Educação, professor Alsony Meireles, destacou o caráter inovador do projeto e a importância do trabalho feito em conjunto em benefício da coletividade. 

"O trabalho de forma integrado sempre gera ações que são espetaculares. A criação do hotsite foi idealizada pela Educação, mas não poderia acontecer se não fossem as demais Secretarias. Lançamos a proposta, a Secom criou o hotsite e a Saúde, juntamente com outras pastas, deu todo suporte. É uma proposta inovadora, em que os alunos de todas as escolas municipais serão os grandes protagonistas. Em cada unidade, teremos um quantitativo de alunos e professores que poderão acessar, postar fotografias e fazer as reivindicações em prol da comunidade. Isso representa um grande avanço para o município de Cabedelo". 

O hotsite será um poderoso aliado ao trabalho já desenvolvido no combate às epidemias em Cabedelo. A iniciativa “pretende levar o agente que trabalha com a vigilância epidemiológica direto ao foco, gerando uma demanda ainda mais significativa”, completou o diretor da Vigilância Ambiental, Rodrigo Augusto Guimarães. 

Prevenção e combate digital -  No hotsite há áreas informativas disponíveis e abertas a toda população e há os setores específicos para alunos, professores e agentes públicos autorizados. As unidades escolares cadastradas poderão encaminhar denúncias, inclusive com imagens de eventuais focos de proliferação do mosquito. 

A ferramenta ainda vai servir como divulgação de relatórios estatísticos e agendas de atividades do projeto. A expectativa é que o site funcione  como um efetivo banco de dados sobre a evolução do Aedes Aegypti e das doenças que transmite, sempre contando com a contribuição dos alunos da rede municipal. Os criadores do hotsite pretendem, ainda, estender a área de cadastro de informações à toda população.

Nas escolas, paralelamente a esse projeto, serão desenvolvidas temáticas relacionadas ao combate ao mosquito com ações de pesquisa nas comunidades e até mesmo o desenvolvimento de armadilhas e inseticidas pelos agentes competentes. Além disso, serão promovidas intervenções na comunidade e nas casas, orientando e realizando buscas de eventuais focos de proliferação do mosquito, bem como quanto às boas práticas de manejo e descarte do lixo. Essas ações serão coordenadas pelos gestores escolares e, também, pelos profissionais da Saúde, além de contar com o apoio total das Secretarias de Infraestrutura e Comunicação.

O projeto - O Projeto Combate ao Mosquito Aedes Aegypti: ação coletiva em prol da vida, coordenado pela Seduc, inicialmente está direcionado aos alunos do Ensino Fundamental II, entre 11 e 15 anos de idade. Na sequência, no entanto, receberá a participação dos demais alunos do Fundamental I e Ensino Infantil, inclusive creches, através de diversas atividades escolares. 

O projeto ainda contempla o que está preconizado no Plano de Ações Integradas no Controle do Aedes Aegypti, elaborado pela Gestão de Vigilância em Saúde, da Sescab, e que relaciona responsabilidades e ações de cada Secretaria municipal envolvida.

Ao final das atividades, serão trabalhadas outras ações envolvendo a comunidade escolar, a exemplo de feiras, corridas e maratonas que já estão programadas até o final do ano.

Secom Cabedelo









Serviços on-line
Portal da Transparência
Tenha acesso a todos os indicadores
Sistema de Informação ao Cidadão
Reclamações, sugestões e críticas
Portal do Contribuinte
Acesse todos os serviços on-line da prefeitura
Contracheque
Serviço exclusivo para os servidores municipais
Galeria de Fotos
foto


Desfile Civico - 7 de Setembro
foto

foto
 
Prefeitura Municipal de Cabedelo
Rua João Pires de Figueiredo, S/N - Centro
CEP: 58.310-000 - Cabedelo - Paraíba
(83) 3250-3180