AGOSTO DE MARIA: Projeto intensifica, durante todo o mês, debates e palestras sobre a Lei Maria da Penha

Desde o ano passado, Agosto passou a ser o mês de debate sobre violência contra a mulher em Cabedelo, através do projeto Agosto de Maria, que promove, durante todo este mês, atividades e palestras educativas sobre o tema nas escolas municipais.

A iniciativa marca o aniversário da Lei nº 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha, que passou a criminalizar qualquer tipo de violência cometida contra a mulher. Na cidade portuária, as atividades do Agosto de Maria começam na próxima terça-feira (7), com um Pit Stop em frente à Delegacia da Mulher, às 8h; e uma palestra na Escola Miranda Burity, às 19h.

Ao longo do mês, no currículo escolar das escolas municipais, acontecerão, de forma intensa, debates e palestras sobre a Lei Maria da Penha, promovendo entre os alunos sua divulgação, explicação, aplicabilidade e penalidades previstas, abrindo espaço para a troca de informações, reflexão, integração e divulgação das ações públicas voltadas ao tema.

“Os objetivos do projeto são sensibilizar e esclarecer sobre a abrangência e as consequências da Lei Maria da Penha; mostrar novos paradigmas que tornam possível uma vida sem violência contra a mulher e debater e desmistificar as origens dessa violência, o empoderamento feminino e a necessidade de uma vida igualitária para homens e mulheres”, explica a secretária adjunta da Mulher, Esterlane Ribeiro.

Programação – No calendário do Agosto de Maria constam atividades nos dias 15, 21 e 30, nas escolas municipais Maria Pessoa Cavalcante, Vereador Pedro Américo e Paulino Siqueira, respectivamente.

Secom Cabedelo

 

Compartilhar