Alunos da rede municipal de ensino participam de mutirão de limpeza das praias

Ação faz parte do projeto Pescadores de Plástico e, até sexta (27),vai recolher lixo deixado na orla cabedelense

Conscientizar e educar moradores e frequentadores sobre a importância de não se jogar lixo nas praias, e alertas sobre os riscos que essa prática oferece ao meio ambiente. São esses alguns dos objetivos do projeto Pescadores de Plástico, que integra a Semana de Limpeza de Praias em Cabedelo, ação coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente, Pesca e Aquicultura (Semapa) em parceria com diversos órgãos.

A iniciativa marca o Dia Internacional de Limpeza de Praias – 21 de setembro e começou no último sábado (21) pela Praia da Restinga. Até esta sexta-feira (27), a comitiva vai passar pelas praias de Ponta de Campina (dia 24), Ponta de Mato (dia 25), Formosa Trecho 1 (dia 26) e Formosa trecho 2 (dia 27).

O mutirão de limpeza conta com a participação de alunos da rede municipal de ensino. Na Restinga, estudantes da Marizelda Lira se juntaram à equipe e, juntos, conseguiram tirar da praia cerca meia tonelada de lixo, em apenas 500m de extensão do mutirão.

 “Nós aproveitamos esse movimento internacional para promover essa ação, que não é apenas de limpeza das praias, mas também de conscientização, porque a partir das crianças podemos multiplicar na sociedade a ideia de que é preciso tomarmos uma atitude para reduzirmos a quantidade de resíduos urbanos nas águas”, destacou o secretário de Meio Ambiente de Cabedelo, Walber Farias.

O Pescadores de Plástico conta com o apoio das Secretarias de Educação; Infraestrutura; e Turismo. Também estão engajados no projeto,  Aquário Paraíba, Ong Guajiru, Coletivo Dique Line e a Associação dos Trabalhadores de Recicláveis de Cabedelo (Astrec).

 

Compartilhar