Cabedelo celebra Dia da Consciência Negra com caminhada pela Diversidade Religiosa

Evento lembrou a necessidade de enfrentar os preconceitos e cultivar o respeito

A Prefeitura Municipal de Cabedelo, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), realizou nesta quarta-feira (20) a I Caminhada da Paz – em enfrentamento à Intolerância Religiosa. A ação foi alusiva às comemorações do Dia Nacional da Consciência Negra – 20 de novembro.

O percurso saiu da Praça da Paz (Quadra da Campina da Vila), às 8h30min, e seguiu em direção à Praça Getúlio Vargas, onde o evento teve continuidade com apresentações culturais e exposição de elementos culinários representativos do sagrado em cada religião.

“Hoje é um dia de alegria, um dia voltado para a conscientização da população negra e essa caminhada foi para lembrar da importância de combatermos a intolerância racial e religiosa. A gestão de Cabedelo luta pela inclusão total. Não se quer dividir e, sim, incluir, agregar, somar; e por isso o empenho em todo esse movimento”, declarou a primeira dama Daniela Ronconi.

Participaram do evento representações dos cultos de matriz africana, do Islamismo, da Igreja Inclusiva e da doutrina espirita.

“Agradecemos a todas representações religiosas que compareceram a essa celebração. É a oportunidade que temos para mostrar que estamos vivendo um novo tempo, no qual lutamos juntos para se plantar uma era em que o preconceito não exista e, sobretudo, reine o respeito às diferenças e à diversidade”, comentou a secretária da Assistência, Cynthia Denize Cordeiro.

Entre as apresentações artísticas, o evento trouxe o Grupo Afoxé Ilê Auá, que apresentou o Sagrado na música e na dança; Capoeira com os usuários do Reviver I e do Cras; Coco de Roda,  com o grupo Reviver Feliz, composto pelas idosas do Reviver I; e Teatro, Canto e Dança com o Grupo do Reviver II, com o tema “A saga do povo negro”.

“Vivemos, infelizmente, em um país de muita hipocrisia e celebrar a diversidade religiosa é celebrar o Deus que é uno, trino e pertence a todo esse universo religioso reconhecido por tantos nomes e tantas faces. Cada um de nós somos fagulhas desse espírito de amor e precisamos celebrar com esse respeito a esse universo religioso. Hoje se faz um marco em Cabedelo nessa celebração desse universo religioso que existe em nossa cidade”,, declarou coordenador do Fórum da Diversidade Religiosa e representante da Igreja Inclusiva, Willian da Penha.

Compartilhar