Cabedelo é reconhecida por ações pela educação e segurança no trânsito

A cidade de Cabedelo foi homenageada por suas ações de educação e segurança no trânsito, realizadas durante a campanha Maio Amarelo. O reconhecimento foi dado pelo Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV nesta quarta-feira (13).

A Prefeitura Municipal de Cabedelo, pelas mãos do prefeito Vitor Hugo Castelliano, recebeu o Selo Digital Oficial e Município Destaque do Programa Educa (Educação para Mobilidade Consciente) 2022. O gestor também recebeu o Certificado Maio Amarelo 2022 e a Medalha “Juntos, salvamos vidas!”, pela atenção e comprometimento com a segurança viária.

“Desde o início desta gestão sempre entendemos que educar o trânsito tinha que ser através das escolas. E sempre buscamos mecanismos que pudéssemos incluir no âmbito da educação para o trânsito. Hoje, com muita felicidade, só temos a agradecer pelo progresso que fizemos e pelo trabalho realizado na Semob e na Educação. Essas certificações são resultado de um trabalho exemplar e executado em equipe. Vamos continuar investindo e cobrando a continuidade e a ampliação de ações positivas”, ressaltou Vitor Hugo.

Além das comendas já supracitadas, também foram registradas outras condecorações alusivas ao trabalho desenvolvido pelas Secretarias de Educação e de Mobilidade Urbana de Cabedelo durante o Maio Amarelo, principalmente, o Dia D do Maio Amarelo, que aconteceu no dia 19 de maio, no Centro Integrado Imaculada Conceição. Na ocasião, foram promovidas práticas voltadas para conscientização nas vias públicas, como também a divulgação do projeto Educa – Trânsito na Sala de Aula, que busca educar para o trânsito através dos livros.

Os secretários de Mobilidade Urbana, Inácio Bento de Morais, e de Educação, Márcia Moreira, estavam entre as autoridades que compartilharam a alegria de também receber medalhas que condecoraram as ações no município.

 “Estamos dando mais um passo na educação para o trânsito em Cabedelo. O projeto Educa vira um programa social e contamos com a colaboração fundamental do setor educacional. E, no segundo ano, atingiremos todos os alunos da rede municipal para que, a médio prazo, tenhamos cidadãos respeitadores da vida” afirmou o secretário Inácio Bento de Morais.

“É muito emocionante participar desse momento grandioso pelo segundo ano dessa parceria que promove esse trabalho social com as nossas crianças e adolescentes. Esperamos a médio prazo uma sociedade mais consciente, crítica e participativa também com relação ao trânsito”, destacou Márcia Moreira.

Quem também acompanhou o evento e participou das homenagens em Cabedelo foi o recém empossado membro da Câmara temática (CTEDUC) do Senatran, João Eduardo Melo, também presidente do Instituto Via – Por Mais Vida no Trânsito (Instituição educacional no Recife-PE), um dos parceiros da Semob Cabedelo.

“Eu senti uma alegria muito grande quando cheguei em Brasília para tomar posse e muitos me perguntaram sobre o modelo de Cabedelo. Este é um momento muito simbólico, pois esta cidade é a primeira do Nordeste que entra para um hall muito pequeno de municípios brasileiros que têm essa coragem de cuidar de suas crianças para que no futuro salvem vidas no trânsito. Atualmente, o cidadão brasileiro só tem contato oficial com o trânsito aos 18 anos, por isso que esse projeto se preocupa para que municípios como Cabedelo colham grandes resultados nos próximos 15 anos. Não existe outro caminho que não seja educar a sociedade a partir da escola. Como paraibano, me orgulho e deixo os parabéns a Cabedelo pelo trabalho desenvolvido”, destacou João Eduardo.

Projeto Piloto Educa – Educar para o trânsito através do livro! Esse é o objetivo central do projeto Educa – Trânsito na Sala de Aula.

A iniciativa do Educa é do ONSV e consiste em doar material didático (livros) para o público do Ensino Fundamental I e II da rede municipal de ensino, com o objetivo de levar a Educação para o Trânsito através da literatura.

Cabedelo é um dos 9 municípios brasileiros contemplados com o projeto, que beneficia diretamente cerca de 600 alunos da rede pública de ensino. Inicialmente, participam das atividades as comunidades estudantis das escolas Centro Imaculada Conceição, Marizelda Lira da Silva e Major Adolfo Pereira Maia, dos segmentos Fundamental I e II.

A coleção de livros entregue aborda a temática da Educação para o Trânsito de forma rica e informativa, proporcionando um referencial teórico para os professores embasarem a sua prática sobre a temática, como também formarem seu alunado, com livros indicados a cada ano do Ensino Fundamental I e II.

O material explora habilidades como a percepção visual, valores, cidadania, ética, e comportamentos adequados para um trânsito seguro, além de ser atrativo por conter relevantes assuntos sobre trânsito e ser ilustrativo.

 

 

Compartilhar