Cabedelo inicia campanha de vacinação contra a Influenza nesta segunda-feira, dia 23

1ª fase vai imunizar idosos em suas residências e também profissionais da área de Saúde

A Prefeitura de Cabedelo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Sescab), participa, a partir da próxima segunda-feira (23), da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. Até o dia 23 de maio, a campanha será desenvolvida em três fases, cada qual priorizando um público específico.

A Campanha deste ano foi antecipada por dois motivos, de acordo com o Ministério da Saúde: o primeiro deles é facilitar e acelerar o diagnóstico da síndrome respiratória Covid-19; o segundo motivo é evitar que o sistema de saúde fique sobrecarregado com casos de influenza.

Na 1ª fase, que vai até o dia 15 de abril, o público prioritário serão os idosos e os trabalhadores da área da saúde. No 1º dia da campanha, a Sescab vai dispor de 24 carros exclusivos para ir em busca dos idosos em seus residências. O esforço concentrado pretende imunizar boa parte dessa população, evitando que ela se dirija à USF. Cada carro conduzirá um Agente de Saúde e um Técnico em Enfermagem. Nos demais dias, também haverá uma busca ativa pelos idosos. A meta é imunizar todos em suas residências. Para mais informações, basta ligar para a Sescab: (83) 3250.3153.

Na 2ª etapa, com início previsto para o dia 16 de abril, serão imunizados os professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clinicas.

Assim como nas campanhas em anos anteriores, a Sescab garante a imunização nas Unidades de Saúde que dispõem de salas de vacina. O dia D está previsto para o dia 09 de maio. A meta é atingir 90% do público prioritário, o equivalente a 20.299 indivíduos.

Na última fase, a partir do dia 9 de maio, serão imunizadas as crianças de 6 meses a menores de 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias) e gestantes em qualquer idade gestacional, puérperas até 45 dias. Além desses, devem ser imunizados os povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medida socioeducativa, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.          Entram também nessa fase –  o que constitui uma novidade dessa edição da Campanha – os adultos de 55 a 59 anos e as pessoas com deficiência.

Calendário

– A partir de 23 de março – Idosos (60 anos e mais) e trabalhadores da saúde;

– A partir de 16 de abril – Professores de escolas públicas e privadas,  profissionais das forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;

– A partir de 09 de maio – Crianças de 6 meses a menores de 6 anos; Gestantes; Puérperas; Povos indígenas; Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas; População privada de liberdade; Funcionários do sistema prisional; e Adultos de 55 a 59 anos de idade.

– 09 de maio: Dia D de Mobilização Nacional

Compartilhar