Cabedelo passa a contar com Ouvidoria exclusiva para atendimento às mulheres

Canal busca ouvir as demandas das usuárias e encaminhá-las aos setores competentes para as devidas resoluções

No mês em que se lembra o aniversário da Lei Maria da Penha, instrumento de suma importância no combate da violência contra a mulher, a Prefeitura de Cabedelo, por meio de sua Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres (SEPM), lança um canal de ligação entre a comunidade e o serviço público, exclusivo para atender casos de violação dos direitos das mulheres cabedelense.

A Ouvidoria da Mulher vai atender pelo telefone 3228.3563 e faz parte das ações realizadas pela SEPM em alusão ao projeto Agosto de Maria. Através dela, é possível realizar denúncias de racismo, violência obstétrica, intolerância religiosa e outras violações dos Direitos Humanos das Mulheres, das comunidades tradicionais e dos povos originários.

O canal funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h e vai garantir o melhor atendimento aos usuários/servidores e seus familiares.

“A ouvidoria é uma ferramenta de gestão, que pode contribuir no processo administrativo, dentre outros, e terá como objetivo ouvir as demandas das usuárias e encaminhá-las aos setores competentes para as devidas resoluções.

Agosto de Maria – O Agosto de Maria é uma iniciativa que marca o aniversário da Lei nº 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha, que passou a criminalizar qualquer tipo de violência cometida contra a mulher. O projeto tem como objetivo alertar a sociedade para a incidência de casos de violência, bem como incentivar o combate a todos os tipos de violência contra as mulheres.

.

 

Compartilhar