Cabedelo promove 4ª edição do Chá da Primavera em comemoração ao Dia Nacional do Idoso

A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio da Secretaria Municipal de Assistência (Semas) realiza, nesta quarta-feira (29), a 4ª edição do Chá da Primavera. O evento faz parte da programação anual elaborada para lembrar o Dia Nacional do Idoso – 27 de setembro.

O evento acontece das 16h às 19h, na Fortaleza de Santa Catarina e terá como tema “A Flor de Mandacaru”, simbolizando a resistência da população idosa frente à pandemia de Covid-19.  O encontro representa um momento de confraternização entre a população idosa usuária dos programas e serviços da Semas e a comunidade.

“Usaremos a flor de Mandacaru, metaforicamente, na intenção de relacionar com o momento pandêmico que ameaça a vida, principalmente dos idosos. As folhas do mandacaru se transformam em espinhos, constituindo-se em elementos de defesa; e o nascimento das flores brancas simboliza o fim da seca, representando a esperança. É com essa mensagem que queremos marcar a passagem do Dia Nacional do Idoso, data que nos remete à atenção aos mais idosos e, também, à luta por direitos em épocas tão difíceis”, comentou a secretária da Assistência Social, Cynthia Denize Cordeiro.

Na programação do Chá Dançante, muita música, brincadeiras e sorteios de brindes. Tudo levando em consideração as medidas de segurança contra a Covid-19.

“Estamos organizando o evento levando em conta o momento em que vivemos, em que sobretudo os idosos não devem ser expostos a riscos de contaminação. Portanto, estamos elaborando medidas para manutenção do distanciamento e respeito extremo a todas as normas sanitárias e de saúde. A celebração é importante, mas a saúde é um bem maior e tem que ser preservada de toda forma”, complementou Cordeiro.

Dia do Idoso – Dia 27 de setembro é o Dia Nacional do Idoso, que foi estabelecido em 1999 pela Comissão de Educação do Senado Federal e serve para refletir a respeito da situação do idoso no País, seus direitos e dificuldades.

No âmbito municipal, o segmento é atendido pela Semas por meio do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Cras e Creas.

 

Compartilhar