Cabedelo recebe obras que vão provocar melhorias no transporte público sobre trilhos

Obras foram inauguradas nesta sexta-feira e a cidade ganhou dois cruzamentos ferroviários

A população cabedelense que utiliza o sistema de transporte público sobre trilhos vai contar com mais rapidez em seus deslocamentos. Essa melhoria decorre da inauguração dos cruzamentos ferroviários feitos pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e entregues nesta sexta-feira (25), em solenidade que contou com a presença do prefeito Vitor Hugo Castelliano, do ministro do desenvolvimento regional e demais prefeitos metropolitanos e gestores da companhia de trens urbanos.

As obras fazem parte de várias intervenções feitas na linha ferroviária entre Santa Rita e Cabedelo, que vão possibilitar o aumento da capacidade de operação na Região Metropolitana da capital paraibana. Dos quatro cruzamentos inaugurados, dois ficam em Cabedelo, sendo um no bairro Amazônia Parque, nas proximidades do Condomínio Residencial Alamoana, e um outro, no Recanto do Poço. Os outros dois ficam localizados na Ilha do Bispo, em João Pessoa, e na comunidade Santo Amaro, em Santa Rita.

“Todas as mudanças que são feitas vem, de algum modo, beneficiar nossa população e nos deixa muito felizes. O transporte ferroviário tem uma importância fundamental no deslocamento de nossa população, bem como para o fluxo de pessoas que o frequentam, seja a trabalho, seja para o lazer e o turismo. Por isso, ficamos satisfeitos e contentes em poder receber essas obras e, também, anunciar que outras virão, a exemplo da estação do IFPB, que trará mais conforto não só para os estudantes, mas também para os moradores daquela localidade. Com isso, a população que se utiliza do transporte ferroviário ganha muito mais comodidade e qualidade de vida”, declarou o prefeito Vitor Hugo Castelliano.

Além dos cruzamentos, o município de Cabedelo ganhará, em breve, a nova Estação do IFPB, já concebida sob novas normas técnicas e estruturais. Brevemente, também, a Estação do Jacaré estará entrando em processo de reforma e ampliação, para obter uma nova estrutura e adequação ao sistema.

Ao todo, o investimento do Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), em melhorias da operação da CBTU na região metropolitana de João Pessoa é de R$ 10,3 milhões. São R$ 7,5 milhões para a construção dos desvios e mais R$ 2,8 milhões para a reforma das Estações Jacaré, Várzea Nova e Bayeux, que estão em andamento.

“O investimento em mobilidade urbana, especialmente para o transporte público sobre trilhos, é fundamental para facilitarmos o deslocamento da população pelos espaços urbanos. Com essas intervenções físicas no sistema, estamos permitindo que o intervalo entre os trens, que hoje é mais de 1 hora, possa chegar a pouco mais de 20 minutos. Esse tempo vai permitir que haja duas vez mais passageiros trafegando nas linhas, o que certamente representa uma economia no tempo de deslocamento e uma melhor previsibilidade de horários”, afirmou o ministro do desenvolvimento regional, Rogério Marinho.

Os cruzamentos ferroviários são linhas adjacentes à principal ou a outro desvio e que são utilizados para cruzamentos, ultrapassagens e manobras de formação de trens ou comboios. Essas linhas auxiliares vão permitir o aumento da quantidade de trens da CBTU João Pessoa operando simultaneamente. Com isso, a projeção é que o intervalo entre os trens caia dos cerca de 70 minutos atuais, para pouco mais de 20 minutos. Também é projetado o aumento da quantidade de passageiros transportados diariamente, dos atuais 12,3 mil usuários para cerca de 21,5 mil viajantes.

Além disso, o Centro de Controle Operacional (CCO) da CBTU-PB está sendo preparado para monitoração remota da operação ferroviária, proporcionando maior otimização dos recursos operacionais.

“As inaugurações que hoje realizamos são um marco, representam um grande passo para o futuro, sobretudo, em termos de benefício para nossos usuários. estamos recebendo uma obra que vai diminuir, com certeza o tempo de espera de trens e proporcionar para os nosso usuários conforto, segurança, agilidade entre quatro cidades da região metropolitana. agradecemos ao empenho do ministério em prol da missão de transportar pessoas com cuidado e carinho”, comentou o superintendente regional da CBTU em João Pessoa, Rodrigo Bezerra Vieira.

 

Compartilhar