Cabedelo vai realizar 2º Seminário Municipal de Economia Criativa para discutir produção cultural no município

Evento acontece nos dias 22 e 23 e será marcado pelos lançamentos da Plataforma Digital Cabedelo +Criativa e do Programa Municipal do Artesanato de Cabedelo

A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio da Secretaria de Cultura (Secult), em parceria com o Sebrae/PB, realiza, nos dias 22 e 23, o II Seminário Municipal de Economia Criativa. O evento faz parte do Plano Municipal de Economia Criativa – Cabedelo mais Criativa, instituído como política pública através da Lei Municipal 2.146/2021.

O Seminário será realizado no Teatro Santa Catarina, no Centro Cultural Mestre Benedito e no Casarão do Padre – Espaço Criativo, A iniciativa traz como proposta reunir empreendedores criativos locais, pesquisadores e representantes da cadeia produtiva da cultura local para um amplo debate sobre a produção cultural e os elementos de identidade local, assim como estratégias para geração de oportunidades de negócios.

Durante o evento, também serão lançados as Plataforma Digital Cabedelo +Criativa e o Programa Municipal do Artesanato de Cabedelo

“Nossa intenção é reunir agentes de toda classe produtiva e pensante da cultura local para compartilhar conceitos, estratégias e experiências que tenham como foco a cooperação e a criatividade, vistos enquanto elementos primordiais para o desenvolvimento de novas oportunidades de negócios e para o fortalecimento da cultural e da identidade local como elemento sustentável para o desenvolvimento do território”, declarou o secretário da cultura, Igobergh Bernardo.

A segunda edição do Seminário constitui a oportunidade de avaliar o desempenho do Programa, após um ano de funcionamento, e de lançar oficialmente uma ferramenta que visa promover a exposição e comercialização da produção cultural local. Também será marcado pelo lançamento de um programa de incentivo aos artistas locais, como informa o secretário.

“Esta segunda edição servirá para avaliar os indicadores de desempenho do Programa durante seu primeiro ano de atividade e será marcada principalmente pelo lançamento da Plataforma Digital Cabedelo +Criativa e pelo lançamento do Programa Municipal do Artesanato de Cabedelo. Estas ações se baseiam em uma política de investimento cultural, que propõe potencializar a estruturação colaborativa da cadeia produtiva da cultura local e fortalecer a identidade da Cidade de Cabedelo”, acentuou Igobergh.

Programação – O evento terá início na terça-feira (22), na Fortaleza de Santa Catarina, às 19h, com o lançamento da Plataforma Digital e o Desfile da Coleção Cabedelo +Criativa.

Na quarta-feira (23), a partir das 9h, no Centro Cultural Mestre Benedito, a programação prossegue com um café com os empreendedores, lançamento do Programa Municipal do Artesanato de Cabedelo (às 10h) e palestras com gestora do Programa Paraibano de Artesanato, Marielza Rodriguez e,  com a CEO da Alê Lontra – Comunicação e Turismo, Alessandra Lontra, sobre Produção associada.

Encerrando o evento, à tarde, a partir das 15 h, no Casarão do Padre Espaço, será proferida uma palestra sobre o Destino Conde, cidade também pertencente a região metropolitana da capital; chá da tarde e vivências culturais.

CONFIRA AQUI A PROGRAMAÇÃO DETALHADA.

Lançamentos – A plataforma digital Cabedelo + Criativa foi desenvolvida de forma colaborativa e integrada pela Secretaria Municipal de Cultura de Cabedelo, juntamente com o Sebrae/PB e a Associação de Cultura Gerais – ACG e irá funcionar como uma vitrine de promoção e valorização da cultura local, de seus artistas, grupos culturais, talentos, produtos, atividades e serviços.

Com o seu lançamento, a Secult propõe o fortalecimento de estratégias promocionais e de práticas de comercialização colaborativas, a fim de gerar informações e indicadores de organização de projetos de cooperação, além de criar estratégias de atração de novos investimentos. Busca-se, assim, contribuir para a abertura de novas oportunidades de mercado para a cadeia produtiva da Cultura e Economia Criativa de Cabedelo.

Já o Programa Municipal do Artesanato de Cabedelo tem como finalidade coordenar e desenvolver atividades que visam valorizar o artesão no âmbito municipal, elevando o seu nível cultural, profissional, social e econômico, bem como desenvolver e promover o artesanato como instrumento de trabalho, de valorização da cultura local e do empreendedorismo criativo.

As ações do Programa (cursos, consultorias, feiras de artesanato, entre outros) serão baseadas nas diretrizes do Plano Municipal de Economia Criativa (Cabedelo + Criativa) e levarão em conta as peculiaridades do artesanato da região, sendo norteadas a partir do mapeamento e do diagnóstico do cenário local.

Compartilhar