Prefeitura realiza ações de prevenção às Hepatites Virais durante toda esta semana

A Secretaria de Saúde de Cabedelo (Sescab) vai intensificar, esta semana, as atividades de prevenção e vigilância contra as Hepatites Virais. As ações vão acontecer em todas as Unidades de Saúde, com ampliação de teste de diagnósticos e palestras educativas nas salas de espera e acolhimento.

Nesta terça-feira (24), das 9h às 11h30, a equipe da Vigilância Epidemiológica em DST/Aids estará em frente à Sescab, na Praça Getúlio Vargas, ofertando testes de diagnósticos para Hepatites B e C, vacinação e distribuição de material educativo e informativo.

Na quinta-feira (26), no Cabedelo Clube, será instalada uma Unidade Móvel Itinerante para a realização de testes de diagnóstico para Hepatites, HIV e Sífilis, além de vacinação e distribuição de preservativos e materiais informativos.
Os testes rápidos para HIV, Sífilis e as Hepatites B e C estão disponíveis no Serviço de Atendimento Especializado (SAE), em todas as Unidades de Saúde da Família (USF’s), no Anexo da Policlínica e, exclusivamente para mulheres no momento do parto, no Hospital e Maternidade Padre Alfredo Barbosa (HMMPAB).

Caso diagnosticado algum caso de Hepatite, o paciente é encaminhado ao SAE e, de lá, se for o caso, direcionada às Unidades de Referências: Complexo Hospitalar Clementino Fraga (CHCF) e Hospital Universitário (HU), ambos em João Pessoa.

Tipos e prevenções – A hepatite pode ser causada por vírus, uso de alguns remédios, álcool e outras drogas, além de doenças autoimunes, metabólicas e genéticas. São doenças silenciosas que nem sempre apresentam sintomas, mas quando aparecem podem ser cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras.

No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Existem, ainda, os vírus D e E, esse último mais frequente na África e na Ásia. Milhões de pessoas no Brasil são portadoras dos vírus B ou C e não sabem. Elas correm o risco de as doenças evoluírem (tornarem-se crônicas) e causarem danos mais graves ao fígado, como cirrose e câncer. Por isso, é importante ir ao médico regularmente e fazer os exames de rotina que detectam a hepatite.

Para prevenir as Hepatites, é preciso o uso do preservativo em todas as relações sexuais, o uso de materiais esterilizados ou descartáveis em estúdios de tatuagem e piercings e o não compartilhamento de instrumentos de manicure e pedicure.

Secom Cabedelo

Compartilhar