Encontre o que você precisa aqui:

Autor: Secom

Profissionais de Saúde de Cabedelo passam por mais uma capacitação para identificar suspeitas de Coronavírus

Apesar da atuação ostensiva, Secretaria de Saúde destaca que não há motivos para preocupação quanto à presença do vírus na cidade portuária A Prefeitura Municipal de Cabedelo, por meio da Secretaria de Saúde, realizou, na última sexta-feira (6), mais uma capacitação para profissionais da saúde com orientações acerca do Coronavírus. Participaram da atividade cerca de […]

07/03/2020 5h28 Atualizado há 2 anos atrás

Apesar da atuação ostensiva, Secretaria de Saúde destaca que não há motivos para preocupação quanto à presença do vírus na cidade portuária

A Prefeitura Municipal de Cabedelo, por meio da Secretaria de Saúde, realizou, na última sexta-feira (6), mais uma capacitação para profissionais da saúde com orientações acerca do Coronavírus. Participaram da atividade cerca de 80 pessoas, dentre médicos, enfermeiros, odontólogos e fisioterapeutas do município.

A capacitação foi ministrada pelo diretor médico do Hospital Municipal, Otávio Soares de Pinho Neto. O foco foi a orientação aos profissionais sobre as formas de prevenção, dicas de higiene, como identificar um caso suspeito da infecção, quando encaminhar um paciente para os hospitais de referência (Clementino Fraga e HU Lauro Wanderley, em João Pessoa) e quando notificar o Ministério da Saúde.

Para Otávio, a equipe de saúde do município está preparada para identificar e dar encaminhamentos a casos suspeitos de infecção por Coronavírus. Ele ressalta, porém, que não há motivos para preocupação.

“Desde que houve o risco da doença chegar ao país, a Secretaria de Saúde aqui de Cabedelo tem capacitado a equipe, de modo que estamos preparados para identificar e dar encaminhamento a qualquer caso suspeito, embora não haja motivo para grandes preocupações. Há uma grande preocupação, por parte da população, da possibilidade de entrada do vírus pelo Porto, mas temos visto que a maior porta de entrada tem sido via aeroporto, onde se tem uma maior circulação de estrangeiros vindos de países em que há circulação do vírus”, destacou.


Preferência de Cookies

Usamos cookies e tecnologias semelhantes que são necessárias para operar o site. Você pode consentir com o nosso uso de cookies clicando em "Aceitar" ou gerenciar suas preferências clicando em “Minhas opções”. Para obter mais informações sobre os tipos de cookies, como utilizamos e quais dados são coletados, leia nossa Política de Privacidade.