PROJETO ORLA Assinada Ordem de Serviço para obras de urbanização da orla de Ponta de Matos

Nesta etapa, será beneficiado um trecho de cerca de 1KM da orla, em um investimento de pouco mais de R$7,2 milhões

O prefeito Vitor Hugo assinou, nesta quinta-feira (26), a Ordem de Serviço (OS) para início da urbanização da orla de Ponta de Matos. A obra inicia o projeto Orla, a maior e mais importante intervenção a ser realizada na orla cabedelense.

A OS prevê a urbanização de cerca de 1KM da orla, que vai da Rua João Vitaliano até se encontrar com o calçadão de Miramar. Nessa etapa, serão investidos pouco mais de R$ 7,2 milhões, fonte de recurso próprio e da Finisa, empresa vencedora da licitação Comercial e Construtora Fenix Eirelle. A previsão para conclusão é de 485 dias.

O trecho beneficiado com a urbanização contará com faixa de rolamento com piso Inter travado de 16 faces; ciclovia em concreto colorido na cor vermelho; calçadão de passeio em piso intertravado colorido; bancos; iluminação; quiosques de lanches; rampas de acessibilidade; piso tátil; estacionamento; paisagismo e muro em gabião para contenção do avanço do mar.

“Este é o início de mais um grande sonho dos nossos munícipes e uma das maiores obras da história da Paraíba. Urbanizar uma praia é impulsionar o desenvolvimento econômico, social e turístico de uma cidade. Aproveito para fazer um agradecimento especial e parabenizar a toda equipe da Secretaria de Planejamento Urbano e Habitação pela qualidade e capacidade técnica empenhadas nos projetos que estão em andamento na cidade em tão pouco tempo. Eu não vejo a hora de ver isso aqui tudo lindo, pavimentado e com acessibilidade para toda população. A cidade de Cabedelo precisa dessa urbanização, que já foi prometida há muitos anos e só agora está se realizando. E isso tudo me emociona demais e me deixa muito orgulhoso. Vamos deixar uma história que ninguém tira”, destacou o prefeito Vitor Hugo.

Projeto Orla – Com um investimento de cerca de R$ 30 milhões, o projeto Orla prevê a urbanização, reordenamento, paisagismo, iluminação e acessibilidade nas praias de Intermares, Ponta de Campina, Poço, Camboinha, Miramar, Formosa, além do acesso ao Dique de Cabedelo, do entorno da Fortaleza Santa Catarina e das Ruínas do Almagre.

O Projeto contempla aproximadamente 8km de intervenções na orla marítima, que incluem modificações e instalações de equipamentos nas áreas públicas das principais praias e pontos turísticos.

Quiosques na Praia do Miramar e Auxílio aos Comerciantes – Segundo o prefeito Vitor Hugo, nessa primeira etapa do Projeto Orla já serão construídos 17 quiosques duplos, para onde serão alocados diversos comerciantes que estão instalados nas antigas barracas que passaram por um processo de desapropriação movido pelo Ministério Público Federal.

“Vamos, sim, cumprir a já conhecida determinação do Ministério Público Federal de remover as barracas em situação irregular após o encaminhamento das notificações, porém, de imediato, vamos incluir estes comerciantes – tanto proprietários quanto funcionários – num programa de auxílio emergencial gerido pela Prefeitura Municipal por intermédio da Secretaria de Industria, Comércio e Portos, que já está sendo elaborado” explicou Vitor.

Compartilhar