Prefeitura realiza Arraiá Maria Bonita com muita animação no Cabedelo Clube

A sexta-feira (14) foi de muito forró e alegria para as mulheres atendidas pela Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPM). O “Arraiá Maria Bonita” reuniu cerca de 200 integrantes de programas como Ondinas, Maria Empreendedora e Remexer no Cabedelo Clube para a já tradicional confraternização junina.

Com ornamentação típica, mesa farta de comidas de milho – doadas pelas próprias usuárias -, realização de bingo com sorteio de vários prêmios e escolha da Rainha do Milho, a festa foi animada pelo trio pé de serra Chiado na Chinela, com direito à Quadrilha improvisada e aulão de forró com a professora Aline Sodré.

A secretária da Mulher, Priscilla Resende, celebrou a realização do Arraiá María Bonita e destacou a importância da integração entre as pessoas atendidas pela SEPPM.

“É muito importante comemorar essa festa regional que é o São João e poder, mais uma vez, reunir os nossos grupos. Além de proporcionar lazer estamos promovendo um momento de interação muito especial para essas pessoas. Os projetos estão caminhando de vento em popa e cada um tem suas peculiaridades, como a promoção de saúde, profissionalização e o ensinamento para geração de uma renda extra. É importante tirar essas mulheres de casa, e vê-las fazendo o que gostam. E o nosso Arraiá é o momento ideal para comemorar tudo isso”, disse.

No meio de tanta animação, as usuárias se divertiam e registraram seus agradecimentos com a participação nos projetos e também pela realização da festa.

“A iniciativa desse evento é maravilhosa. A Prefeitura deve continuar investindo aqui, isso tudo é muito bom para todas nós. Me refiro à festa e também aos projetos. Ondinas, por exemplo, tem uma importância muito grande na vida da gente. E hoje aqui foi o dia de se divertir e de interagir com outras pessoas e suas famílias”, disse dona Catarina Barbosa, crocheteira que participa do projeto Ondinas há 4 anos.

Cleide Rocha, de Intermares, participa do grupo de terceira idade Vida Ativa – que existe há 13 anos naquele bairro – e conta com o apoio do programa Remexer da SEPM. Entusiasmada, ela falou sobre a satisfação com a comemoração junina.

“O Arraiá Maria Bonita é uma excelente ideia, principalmente para o nosso grupo que conta com homens e mulheres. Tudo muito gratificante e a gente se sente muito unido, há uma interação e isso é muito bom. A Prefeitura está de parabéns. Mas eu não poderia deixar de agradecer também pelas atividades que são promovidas pela através da Secretaria da Mulher no nosso grupo. Principalmente as aulas da professora Aline, que têm nos ajudado muito”, registrou a usuária.

Em nome do programa Maria Empreendedora, quem falou foi a monitora de confeitaria Clara Costa, que também estava trabalhando e aproveitando a festa. “A gente se sente feliz porque faz esse processo de resgaste dessas pessoas maravilhosas, na inclusão, profissionalização e também no dia a dia. Tudo nessa festa foi planejado com muito carinho e pudemos proporcionar esse ambiente tão aconchegante e com muita alegria”, finalizou.

 

Compartilhar